A educação está proibida no Brasil!

Se cada ser humano tem uma missão na vida, se existem infinitas possibilidades de gerar valor, trabalhar e ajudar as pessoas, por que precisamos de uma regulamentação sobre o que é necessário ensinar nas escolas?


Se os seres humanos são únicos, incomparáveis e existem múltiplas inteligências, por que o sistema educacional exige avaliação comparativa, controle social e um padrão rígido de ensinar e aprender?

Confesso que educação é o meu ponto fraco em todo o problema que existe na política hoje em dia. É o momento que meu coração aperta e se incomoda com a falta de sentido da educação tradicional, com o desperdício de tempo e o sofrimento em vão que passam tantos estudantes com o vestibular, uma peneira de conhecimento para todas as profissões e alunos, ainda que completamente diferentes entre si.

Afinal, o que se aprende na escola serve para ajudar o indivíduo a ser uma pessoa melhor? Não. Serve para se relacionar melhor com os outros? Não. Serve para reconhecer seus dons e ajudar a transformar o mundo? Também não. Então pra quê todo esse desgaste, meu Deus?

A educação não pode ser regulamentada e definida por um grupo restrito de pessoas. É por esse motivo que existem tantas pessoas ignorantes repetindo a mesma ladainha sem sentido, pois as escolas são obrigadas a seguir o que foi proposto pelo Ministério da Educação, em vez de ensinar a pensar.

E se uma família decide ensinar os filhos em casa? É necessário entrar na justiça com o pedido, porque de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, os pais são obrigados a matricular os filhos nas escolas. Obviamente, as que o Estado confirma que usam a doutrinação obrigatória decidida pelo Ministério da Educação. Um verdadeiro absurdo e uma afronta à liberdade de crença, de pensamento e de educação.

Por esse motivo eu digo: a educação no Brasil está proibida! E nós precisamos urgentemente lutar contra a padronização de ensino nas escolas. Cada escola escolhida pelos pais deve ter o ensino que o grupo de pais acredita ser melhor.

Segue um documentário que fala sobre esse tema. Concordo e acredito na seriedade do que se explica nele. Se existe divergência no entendimento do que significa liberdade, não importa. Mas o conceito de prisão pode ser muito bem explicado com a estrutura escolar de hoje em dia. Assista ao vídeo, e me diga o que achou.http://https://youtu.be/-1Y9OqSJKCc

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...